Fechado desde o início da pandemia, equipamento cultural reabre as portas para visitas por agendamento

O Museu de Itabira está oficialmente reaberto. O equipamento cultural estava com as portas fechadas desde o início da pandemia, em março do ano passado, e agora volta a permitir visitas, mesmo que, a princípio, apenas por agendamento. A retomada tem como destaque exposições de artistas itabiranos. 

A novidade da reabertura é uma sala exclusivamente dedicada a obras de artistas da terra. A ala “Destaque Itabirano” é inaugurada com pinturas de Francisco Martins, popularmente conhecido como Lito. Com traços fortes e bem coloridos, o pintor mostra pontos de Itabira e paisagens naturais em suas telas. Logo na entrada, os visitantes ainda podem conferir um vídeo com a história do artista. 

“Me sinto valorizado e reconhecido em poder mostrar o meu trabalho aqui no Museu de Itabira. A pintura é a mais antiga forma de comunicação entre as pessoas, desde as eras rupestres. Hoje podemos mostrar como uma arte”, disse Lico. 

Pinturas de Francisco Martins “Lito” estão na ala Destaque Itabirano

Outra mostra de artista da terra é a exposição fotográfica “Expressões de Resistência do Congado Itabirano”, da fotógrafa Stael Azevedo. A galeria está instalada na parte superior do Museu. “Feliz e orgulhosa em poder participar deste momento. Os itabiranos precisam se reconhecer no museu da cidade. Nada melhor, então, que um itabirano e uma itabirana terem suas exposições na retomada das atividades”, declarou Stael. 

A importância da cultura enquanto propagadora de lazer e geração de renda deram o tom dos discursos do superintendente da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA), Marcos Alcântara, do secretário de Desenvolvimento Econômico, Breno Pires, e do gerente do Museu, Rafael de Sá. Eles destacaram iniciativas da gestão municipal no sentido de impulsionar o potencial artístico e cultural de Itabira, terra natal do poeta Carlos Drummond de Andrade.

Fotografias de Stael Azevedo valorizam o Congado de Itabira

“Temos um compromisso histórico e uma missão: Itabira precisa respirar cultura. Uma construção a várias mãos, com foco em mais qualidade de vida para a população, lazer e desenvolvimento econômico. O que celebramos hoje é o início de uma caminhada. Vamos juntos construir essa nova realidade”, convocou o secretário Breno Pires. 

Para visitação ao Museu de Itabira, será necessário agendamento prévio por telefone, whatsapp ou pelas redes sociais da instituição (Facebook e Instagram). O Museu de Itabira está localizado na Praça do Centenário, 116, no Centro. O telefone é (31) 3839-2992.

Marcos Alcântara, Breno Pires, Rafael de Sá, Lito e Stael Azevedo

Mais atividades

Neste sábado, o equipamento cultural que reabre as portas é o Museu do Tropeiro, no Distrito de Ipoema. A programação tem início às 19 horas. 

Todas as atividades compõem a 8ª Jornada do Patrimônio Cultural de Minas Gerais e da 15ª Semana Primavera de Museus. A programação completa pode ser conferida clicando aqui!