Obras de infraestrutura do local são alvos de reclamações e comissão recebeu informações atuais dos trabalhos

A administração municipal recebeu uma comissão de moradores do bairro Sion.

A comunidade do bairro Sion apresentou reclamações em relação às obras de infraestrutura da localidade. A maior parte das queixas está relacionada à paralisação dos serviços, demora no calçamento das ruas e a preocupação com o período chuvoso. As chuvas, conforme os moradores, podem prejudicar os serviços já realizados no bairro e ainda provocar transtornos à comunidade, como a formação de lama, por exemplo.

As obras de melhoria no Sion, que começaram na gestão passada, compreendem pavimentação em bloquete, drenagem, rede de abastecimento de água e esgoto, calçadas com acessibilidade e sinalização das vias.

A administração municipal ponderou aos moradores a necessidade de  ser transparente e precisa com o repasse de informações sobre o bairro. Foram repassados aos moradores os trâmites dos serviços e que o pagamento é de responsabilidade da Caixa Econômica Federal, já que as obras são fruto de convênio com o governo federal.
 
Por ser um empréstimo o dinheiro não fica com a Prefeitura. É um financiamento e a Caixa paga conforme as medições dos serviços. A obra estava parada porque havia débitos na ordem de R$ 600 mil, que foram quitados na semana passada. Com isso, a empresa responsável pelos serviços está retomando os trabalhos. 

A pavimentação das ruas foram mantidas em 100% do bairro e não foi mudada a proposta do projeto da gestão anterior.  Conforme a administração municipal este é o maior contrato atual de obras da Prefeitura.

Foram feitas apenas adequações na planilha da empresa [reequilíbrio financeiro] e também destinada uma máquina para os serviços de drenagem das ruas – que ficaram sob responsabilidade do município. Esses detalhes burocráticos também atrasaram um pouco todo o andamento das obras.

O secretário de Obras, Eduardo Bastos, reconheceu que é preciso melhorar a fiscalização dos serviços executados no Sion. Ele também completou o que o prefeito frisou, que já foram feitos 55% das redes de esgoto e 40% das redes de água do bairro.

Por fim, o representante da comissão de moradores do bairro Sion, Luciano Pastorini, disse que ficou satisfeito com as informações fornecidas e que a comunidade vai continuar cobrando e fiscalizando as obras de infraestrutura.

Ruas

Serão beneficiadas com as obras de infraestrutura as ruas Colina, Colombo, Cometa, Gigliane Tâmara de Almeida, Guarujá, Iriri e Osvaldo Lara, além das avenidas Camburi e Sebastião Simão de Almeida.