Prefeitura inicia a aplicação da terceira dose para idosos com 60 anos ou mais

Nesta quinta-feira (7), a Prefeitura de João Monlevade inicia a aplicação da terceira dose da vacina contra o coronavírus nos idosos com 60 anos ou mais, que receberam a segunda dose há pelo menos seis meses. A vacinação ocorre na Policlínica (Antigo PA), na modalidade a pé e drive-thru, de 8h as 10h30 e de 13h as 16h. A abertura da aplicação da terceira dose, para os idosos com 60 anos ou mais é uma determinação do Ministério da Saúde.

Adolescentes com comorbidades

No mesmo dia, ocorre aplicação da primeira dose para os adolescentes de 12 e 13 anos com comorbidades, deficiência, gestantes e puérperas. A imunização ocorre também na Policlínica (Antigo PA), no mesmo horário dos idosos, mas para os adolescentes será apenas a pé. O município ainda aguarda mais remessas de vacinas para dar continuidade à imunização dos demais adolescentes.

Para se vacinar, os adolescentes precisam do CPF (caso tenha), documento com foto (ou certidão de nascimento mais cópia de documento dos pais, ou cartão do SUS), comprovante de endereço e cartão de vacinação infantil.

As gestantes precisam apresentar cópia de cartão pré-natal. As puérperas precisam entregar cópia de alta hospitalar, referente a internação devido ao parto, ou certidão de nascimento da criança. Adolescentes que possuem comorbidades ou deficiência permanente devem entregar cópia de relatório atestando a sua condição.

A lista de comorbidades pode ser consultada no site da Prefeitura, por meio do link:

Terceira dose imunossuprimidos

Também na Policlínica ocorre a aplicação da terceira dose em imunossuprimidos de 18 a 69 anos que receberam a segunda dose há pelo menos 28 dias. A vacinação será a pé.

Receberão a terceira dose: pessoas com imunodeficiência primária grave; ou que fazem quimioterapia para câncer; transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) que fazem uso de imunossupressores; pessoas vivendo com HIV/AIDS; quem faz uso de corticoides em doses maior ou igual a 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por período maior ou igual a 14 dias; ou que usam de drogas modificadoras da resposta imune; auto inflamatórias, ou com doenças intestinais inflamatórias; pacientes que fazem hemodiálise; ou pessoas com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas.

Segunda dose

A Prefeitura prossegue com a aplicação de segunda dose de Pfizer, Coronavac e Astrazeneca. Em todos os locais com segunda aplicação, a imunização será a pé, de 7h30 as 10h30 e de 13h as 16h.

Pessoas que tomaram a primeira dose de Pfizer, há pelo menos 56 dias, receberão a segunda aplicação no Centro Social Urbano (CSU), no bairro Loanda.

Quem recebeu a primeira dose de CoronaVac, há pelo menos 28 dias, será vacinado com a segunda dose no centro de saúde do bairro Santo Hipólito, e no Centro de Saúde do bairro Novo Cruzeiro.

Vacinados com a primeira dose de AstraZeneca, há pelo menos 84 dias, receberão a segunda dose no centro de saúde Padre Hildebrando, no bairro Vila Tanque, ou no centro de saúde do bairro Cidade Nova.