A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) apreendeu, na quarta-feira (20/10), 11 reboques e semirreboques com suspeita de fraude nos registros, em Fronteira, no Triângulo Mineiro. A ação é desdobramento da operação Noakes, coordenada pela Delegacia Regional em Araxá, que apurou um esquema de venda de notas fiscais e números de identificação veicular (NIV).

De acordo com as investigações, a organização criminosa envolvida no esquema possibilitava que os clientes, em posse dessas notas fiscais irregulares, gravassem ou afixassem o NIV em chassis de reboques e semirreboques, os quais poderiam ser procedentes de crimes anteriores ou fabricados por empresas não autorizadas, sem qualquer rigor técnico.

A ação desta terça-feira foi coordenada pela Delegacia de Polícia em Fronteira, com apoio da Delegacia Regional em Frutal.

Leia mais sobre a operação Noakes:

https://www.policiacivil.mg.gov.br/site-pc/noticia/exibir?id=2850155&=Opera%C3%A7%C3%A3o-Noakes-desarticula-esquema-ilegal-de-regulariza%C3%A7%C3%A3o-de-reboque