Contrato do ex-juiz com a consultoria Alvarez & Marsal foi encerrado e valerá até hoje (31)

O contrato do ex-juiz da Lava Jato Sergio Moro com a consultoria Alvarez & Marsal foi encerrado e vai valer até este domingo (31). Com a saída da consultoria, Moro vai ficar livre para se filiar ao Podemos, o que já está agendado para acontecer no próximo dia 10 de novembro.

Apesar de ainda não confirmar a informação, a Alvarez & Marsal deve oficializar a saída do ex-juiz na próxima segunda-feira (1). O Podemos pretende lançar o ex-ministro do governo Bolsonaro na disputa pela presidência no próximo ano, como uma alternativa a Bolsonaro e Lula.

O partido já previa começar os preparativos para o anúncio da filiação a partir de 1º de novembro, quando Moro já estará sem ligação com a consultoria. Em pesquisa do PoderData, divulgada na última quarta-feira (27), Moro aparece com apenas 8% das intenções de voto. Ele fica atrás de Bolsonaro, com 28%, e Lula, 35%.

No Podemos, a expectativa é que, caso haja confirmação da candidatura, Sergio Moro conseguirá dobrar o índice atual, indo de 8% para cerca de 16%.