A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou, na manhã desta segunda-feira (22/11), a reconstituição de um homicídio ocorrido no dia 28 de fevereiro deste ano. O crime, cometido no bairro Gabiroba, em Itabira, e teve como vítima uma mulher de 42 anos, executada com um tiro na cabeça.

Conforme apurado, os suspeitos são quatro homens e um adolescente. Os investigados teriam levado a vítima para um local isolado, no final do bairro, e cometido o assassinato. A mulher, supostamente, devia dinheiro a um dos executores, suspeito de ter envolvimento com o tráfico de drogas na região.

A reconstituição foi realizada visando subsidiar os trabalhos desenvolvidos pela Delegacia Regional em Itabira, esclarecendo-se quesitos do Ministério Público e dos advogados de defesa.